Show aborda lenda do folclore brasileiro no Sesc Rio Preto

0
33

O violeiro e contador de histórias Paulo Freire e o cantor e compositor Danilo Moraes apresentam na quarta, 27, no Sesc Rio Preto, o show O Cunhado do Lobisomem. Com destaque a esse conhecido personagem do folclore brasileiro, os artistas usam a linguagem da contação de histórias. Trazem canções e verbetes musicais para narrar a história  de um rapaz que se tornou cunhado de um lobisomem.

Os artistas passeiam pelos causos intercalando com músicas autorais. A música do espetáculo cria uma atmosfera para as histórias a serem contadas e  transporta o público para o universo lúdico .O Cunhado do Lobisomem é uma de diversas apresentações de Paulo Freire ligada à mitologia brasileira. O músico acumula vários trabalhos que tem como mote o folclore. Freire é considerado uma referência entre os violeiros do Brasil. Acumula prêmios em suas atividades ligadas à cultura brasileira e participações em trabalhos de diferentes artistas.

Para este  projeto, o violeiro realiza uma parceria com Moraes, que também é guitarrista e interprete. No show, ele traz a afinidade entre a guitarra e a viola caipira. A dupla evidencia a cultura popular brasileira trazendo como referência os causos populares.

            O show será realizado no teatro do Sesc Rio Preto. Os valores dos ingressos vão de R$ 6,00 a R$ 20,00, podem ser adquiridos na bilheteria do Sesc ou pelo portal sescsp.org.br/riopreto. A apresentação é indicada para maiores de 12 anos.

PAULO FREIRE E DANILO MORAES: CUNHADO DE LOBISOMEM
Inspirado em um fato real, este espetáculo revela a impressionante história de um rapaz que se tornou cunhado de lobisomem. Para este grande causo, Paulo Freire e Danilo Morais criaram canções sobre o acontecido, temas para os personagens e texturas musicais para o texto.
Dia 27, quarta, 20h30.
Teatro. 228 lugares.
Ingressos: R$ 6,00 (trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo credenciado no Sesc e dependentes – credencial plena); R$ 10,00 (aposentado, pessoa com mais de 60 anos, pessoa com deficiência, estudante e servidor da escola pública com comprovante) e R$ 20,00 (público em geral).

Artigo anteriorVisita traz Agerip, Studio 3300, Portal dos Condomínios e Boi no Rolete
Próximo artigoWhindersson Nunes, Royal Hotels, Costelão Acirp, Feijoada do Betão e mais
Sou jornalista com MBA em Gestão Empresarial pela FGV. No início da década de 80 atuei no Rádio e no jornal impresso. Como a curiosidade é a alma do bom jornalista, troquei Rio Preto pela mochila. Morei em Berlim, quando esta ainda era ladeado pelo muro, colhi uva nos campos franceses e vivi em Paris. Depois de viajar pela Europa fui morar em um Kibbutz onde conheci meu primeiro marido, um britânico. Na Inglaterra formei-me em catering pelo Southgate Technical College. De volta ao Brasil, fui ser agricultora orgânica e passei a assinar uma coluna sobre alimentação no Diário da Região. Em 99 nasceu a “Talk Club Assessoria”, uma das primeiras agências de assessoria de imprensa de Rio Preto. Durante uma década a empresa atendeu grandes clientes. Acompanhando o mercado a “Talk Club” se transformou em uma produtora de vídeo, e tem como sócio o cinegrafista e diretor de arte Luis Soares, meu atual marido. Em outubro 2007, criamos o primeiro programa de TV o “ Maturidade Feliz” Programa este que alcançou nível nacional, em 2010, na Rede Vida de Televisão. No final de novembro de 2010 surgiu o “ Malu Rodrigues Visita”, um programa de jornalismo social.