III Arraiá da Contexto no Buffet Manoel Carlos

0
218

O professor Washington Paracatu reuniu ontem, dia 24/06, dia de São João Batista,  mais de 500 alunos e familiares para o III Arraía da Contexto, no Buffet Manoel Carlos.

O programa Malu Rodrigues Visita se fez presente e registrou .   Os convidados se deliciaram com comidas típicas como pamonhas, churros, cachorros-quentes, doces, cuscus, bolos, kaftas, tudo feito com muito carinho e servido em abundância aos convidados, que deram um tempinho nos estudos para se confraternizar.

A nossa matéria televisiva em breve no canal 26 da Net, ou você pode assistir , também, aqui no portal.

Alguns cliques do fotográfo Luis Soares da noite charmosa:

III Arraia da Contexto_1439

III Arraia da Contexto_1447

III Arraia da Contexto_1448

III Arraia da Contexto_1449

III Arraia da Contexto_1450

III Arraia da Contexto_1451

III Arraia da Contexto_1456

III Arraia da Contexto_1457

III Arraia da Contexto_1459

III Arraia da Contexto_1460

III Arraia da Contexto_1461

III Arraia da Contexto_1462

III Arraia da Contexto_1463

III Arraia da Contexto_1464

III Arraia da Contexto_1465

III Arraia da Contexto_1466

III Arraia da Contexto_1468

III Arraia da Contexto_1469

III Arraia da Contexto_1473

III Arraia da Contexto_1474

III Arraia da Contexto_1477

III Arraia da Contexto_1478

III Arraia da Contexto_1480

III Arraia da Contexto_1482

III Arraia da Contexto_1484

III Arraia da Contexto_1486

III Arraia da Contexto_1488

III Arraia da Contexto_1491

III Arraia da Contexto_1492

III Arraia da Contexto_1495

III Arraia da Contexto_1497

III Arraia da Contexto_1499

III Arraia da Contexto_1500

 

Saiba mais sobre a Contexto:

Centro Cultural Contexto oferece aulas de redação para provas e concursos em geral, com ênfase nos vestibulares e na área acadêmica. Além da redação, o aluno frequenta aulas de interpretação e língua portuguesa em horário diferenciado, escolhendo entre o programa geral (por exemplo: pontuação, crase, figuras de linguagem) e o específico (por exemplo: língua portuguesa na FUVEST, linguagens no ENEM, intelecção e produção textual na PUC).

Durante o ano letivo, há três estágios sucessivos e acumulativos no processo de aprendizagem.

De início, um panorama das técnicas básicas, intermediárias e avançadas de produção textual, com exercícios de intelecção de propostas,  produção  escrita  e  análise  de redações divulgadas pelas

bancas corretoras como exemplares (adequadas ao tema, ao tipo de texto, originais e autorais). O aluno produz a partir da discussão, da interpretação e da análise crítica do discurso alheio, sempre pautando sua produção pelos parâmetros exigidos pelas bancas corretoras.

Em seguida, o aluno passa a comparar as estratégias de produção textual e a descobrir as especificidades de cada prova e concurso, dosando sua aprendizagem para a seleção e o descarte das técnicas aprendidas. Por exemplo, ele pode priorizar uma estrutura clássica quando demonstra predileção pelos argumentos históricos e culturais. Pode, ainda, priorizar argumentos espaciais, causais, bilaterais. É um momento de descoberta de talentos e habilidades discursivas para cumprir as exigências de provas específicas.

 

Por fim, o aluno passa ao estágio final quando aprende a produzir uma redação autoral. Seu texto atende às expectativas da banca corretora, revela-se pautado pela experiência prévia de candidatos de anos anteriores e, sobretudo, apresenta uma dimensão original – por exemplo, pode desenvolver sua redação por fio condutor, por analogia, por efeitos enumerativos.

O curso também disponibiliza aulas específicas para os vestibulares nacionais, com aulas grupais e – se necessário – individuais. O ano letivo contempla aulas para TODOS os exames: da FUVEST à UNIMAR, da UNICAMP à UFPR.