Riopreto Shopping recebe “Intestino Gigante”

0
83
Intestino Gigante
Intestino Gigante

A Associação dos Ostomizados da Região de Rio Preto (AORP) realiza exposição com uma réplica gigante do intestino humano, no Riopreto Shopping. O evento faz parte da VII Semana de Prevenção do Câncer e outras Doenças do Intestino e acontece nos dias 15, 16 e 17 de maio das 10h às 21h30. A visitação é gratuita e aberta a toda a comunidade. 

De acordo com a organização da exposição, a estrutura inflável em formato de túnel, que simula o interior do intestino grosso, conta  com 20 metros de comprimento e 2,5 metros de altura, onde os visitantes  podem conhecer detalhes do órgão humano e seu funcionamento. 

Ao percorrer o trajeto do ‘Intestino Gigante’, o visitante tem uma experiência interativa. A atividade é acompanhada por profissionais da saúde e estudantes de medicina que dão explicações, informações e orientações sobre o diagnóstico das doenças, tratamento e formas de prevenção.  

Também haverá a exibição de um vídeo explicativo sobre as doenças intestinais, como a Doença de Crohn, Retocolite Ulcerativa, Colites Indeterminadas, Síndrome do Intestino Irritável e Obstipação. 

A exposição tem como objetivo, estimular a prevenção e o diagnóstico precoce de doenças relacionadas ao intestino.  

A ASSOCIAÇÃO 

A Associação dos Ostomizados da Região de Rio Preto (AORP), fundada em 14 de agosto de 1996 é uma instituição sem fins lucrativos, que visa defender os direitos dos ostomizados prestando informações, assegurando o acesso ao serviço público de saúde (SUS) para recebimento das bolsas coletoras, apoio social, psicológico e defesa da qualidade da assistência e dos equipamentos. 

A AORP também oferece palestras educativas, terapias ocupacionais através de atividades de lazer, reuniões, grupo de apoio aos interessados, além da troca de experiências com outros ostomizados. 

CÂNCER DE INTESTINO 

O câncer de intestino abrange os tumores que se iniciam na parte do intestino grosso, chamada cólon e no reto (final do intestino, imediatamente antes do ânus) e ânus, também é conhecido como câncer de cólon e reto ou colorretal. Estimativas do Instituto Nacional de Câncer (Inca) apontam que, o Brasil deve registrar 44 mil novos casos da doença por ano no próximo triênio, entre 2023 e 2025, com 70% concentrados nas regiões Sudeste e Sul.

Desses casos, 23.660 devem ser diagnosticados entre mulheres e 21.970 entre homens. Os sintomas mais comuns da doença são sangue nas fezes, mudanças nos hábitos intestinais, sensação de evacuação incompleta, anemia, cansaço ou fadiga inexplicável, dores abdominais e perda inesperada e repentina de peso. 

Os exames para diagnóstico devem ser feitos por homens e mulheres acima dos 50 anos, pessoas com pólipos, pessoas com doença de Crohn e retocolite ulcerativa, além de familiares de pessoas que tiveram câncer de colorretal. 

PREVENÇÃO 

Atualmente, cerca de 85% dos casos são diagnosticados em fase avançada, o que aumenta os custos com o atendimento de saúde – cirurgias, quimioterapia, radioterapia – e diminui as chances de cura para um dos tumores malignos mais frequentes e fatais no país. A enfermidade incide em homens e mulheres de forma semelhante, principalmente, a partir dos 45 a 50 anos de idade. 

 

Exposição do Intestino Gigante

Local: Riopreto Shopping Center  

Data: 15, 16 e 17 de maio  

Horário: Das 10h às 21h30 

Entrada Gratuita 

Leia também:

Conheça o Canal Malu Visita no Youtube