Sesc Rio Preto exibe documentário sobre universo circense

0
61

Registros poéticos de espetáculos circenses e entrevistas com artistas, diretores e pesquisadores de diversos países compõem o filme

O universo circense com suas peculiaridades continua encantando pessoas mundo afora. Registros apontam que quase todas as civilizações antigas já praticavam algum tipo de arte circense. Este tipo de manifestação artística e suas diversas questões atuais são tema do documentário Circo é… Circo, dirigido por Daniela Cucchiarelli, que tem exibição gratuita nesta quarta, 24, às 20h, no Teatro do Sesc Rio Preto.

Realizado pelo Sesc em São Paulo durante o Circos- Festival Internacional Sesc de Circo 2015, o filme traz registros poéticos de espetáculos circenses e entrevistas com artistas de companhias brasileiras e estrangeiras, diretores e pesquisadores de diversos países, que abordam a formação e o trabalho do artista, o risco como estética, memória, diferentes espaços de apresentação e possibilidades atuais de construções dramatúrgicas.

Entre as companhias participantes do documentário estão Circolombia (Colômbia), Circus Cirkor (Suécia), Cia Cíclicus (Espanha), Palhaça Rubra (Brasil), Circo Escola Picadeiro (Brasil), Circo Escola Diadema (Brasil), Escola Pernambucana de Circo (Brasil), SP Escola de Teatro (Brasil), Escola Nacional de Circo (Brasil) e Erva Daninha (Portugal), entre outros.

A exibição terá início às 20h desta quarta, 24. Logo após, Lucas Molina, técnico da Gerência de Ação Cultural do Sesc São Paulo faz um bate-papo com o público sobre o documentário. A retirada de ingressos será a partir das 19h.

Artigo anteriorCia Cênica realiza 2º SERESTA do TERRITÓRIO CÊNICO na Fred Navarro
Próximo artigoSesc Rio Preto – Hip Hop traz DJ do icônico grupo de rap Racionais MC’s
Sou jornalista com MBA em Gestão Empresarial pela FGV. No início da década de 80 atuei no Rádio e no jornal impresso. Como a curiosidade é a alma do bom jornalista, troquei Rio Preto pela mochila. Morei em Berlim, quando esta ainda era ladeado pelo muro, colhi uva nos campos franceses e vivi em Paris. Depois de viajar pela Europa fui morar em um Kibbutz onde conheci meu primeiro marido, um britânico. Na Inglaterra formei-me em catering pelo Southgate Technical College. De volta ao Brasil, fui ser agricultora orgânica e passei a assinar uma coluna sobre alimentação no Diário da Região. Em 99 nasceu a “Talk Club Assessoria”, uma das primeiras agências de assessoria de imprensa de Rio Preto. Durante uma década a empresa atendeu grandes clientes. Acompanhando o mercado a “Talk Club” se transformou em uma produtora de vídeo, e tem como sócio o cinegrafista e diretor de arte Luis Soares, meu atual marido. Em outubro 2007, criamos o primeiro programa de TV o “ Maturidade Feliz” Programa este que alcançou nível nacional, em 2010, na Rede Vida de Televisão. No final de novembro de 2010 surgiu o “ Malu Rodrigues Visita”, um programa de jornalismo social.