Rio Preto chega a 6.809 casos positivos e 5 novos óbitos

0
103

Rio Preto tem 287 novos casos confirmados

Rio Preto chega nesta quinta-feira, dia 23, a 6.809 casos positivos para coronavírus (covid-19), um aumento de 287 pessoas infectadas pela doença nas últimas 24 horas.

Foram registrados 5 novos óbitos, totalizando 187 mortes no total.

Dos positivos 4.295 estão recuperados (63%), 1.054 atuam na área da saúde e outros 906 tiveram complicações em relação a síndrome respiratória aguda grave (SRAG), desde 545 já estão recuperados.

Dos casos respiratórios leves confirmados para covid-19 a faixa etária entre 30 a 39 anos é a que registra maior número com 26% do total, seguido por 40 a 49 anos com 21% e de 20 a 29 anos com 18% dos casos positivos.

Do total de casos leves com covid-19 87% são de pessoas com até 59 anos.

O gráfico revela que o percentual de positividade para a doença por semana permanece em 30% na média.

“Há sete semanas nos estamos, embora testando mais, tendo mais casos, nossa porcentagem de positivos tem permanecido na faixa de 30%. A mortalidade acompanha o número de caso leves, ou seja, aumento de caso leve leva a uma mortalidade maior”, explica o secretário de Saúde de Rio Preto Aldenis Borim.

 

São 293 pessoas internadas em Rio Preto, 123 em UTI e 170 em enfermaria.

Dos internados 164 tem covid-19, com 83 deles em UTI e 81 em enfermaria. O percentual de ocupação de leitos em hospitais da cidade é de 89%, no entanto, como revela o secretário de Saúde com 40 novos leitos (10 em Jaci e 30 na UPA Jaguaré) a ocupação caiu para 54%

“Estávamos tendo um número proibitivo, então abrimos esses leitos. Uma queda muito importante da taxa de ocupação. Esses 40 leitos a mais correspondem a 36% a mais de disponibilidade em leitos de UTI”, diz Aldenis.

A novidade é que o governo do Estado, Instituto Butantan e a Prefeitura  vão realizar 27.819 novos testes sorológicos  entre julho e agosto.

O público alvo são os trabalhadores da saúde, da Guarda-Municipal, transporte público, comunicantes assintomáticos e população privada de liberdade. A Saúde vai contatar o público alvo realizando a testagem de forma escalonada .

Artigo anteriorCaçarola italiana, fácil de fazer, barata e gostosa
Próximo artigoSupermercados fecham este fim de semana em Rio Preto, lei seca continua
Sou jornalista com MBA em Gestão Empresarial pela FGV. No início da década de 80 atuei no Rádio e no jornal impresso. Como a curiosidade é a alma do bom jornalista, troquei Rio Preto pela mochila. Morei em Berlim, quando esta ainda era ladeado pelo muro, colhi uva nos campos franceses e vivi em Paris. Depois de viajar pela Europa fui morar em um Kibbutz onde conheci meu primeiro marido, um britânico. Na Inglaterra formei-me em catering pelo Southgate Technical College. De volta ao Brasil, fui ser agricultora orgânica e passei a assinar uma coluna sobre alimentação no Diário da Região. Em 99 nasceu a “Talk Club Assessoria”, uma das primeiras agências de assessoria de imprensa de Rio Preto. Durante uma década a empresa atendeu grandes clientes. Acompanhando o mercado a “Talk Club” se transformou em uma produtora de vídeo, e tem como sócio o cinegrafista e diretor de arte Luis Soares, meu atual marido. Em outubro 2007, criamos o primeiro programa de TV o “ Maturidade Feliz” Programa este que alcançou nível nacional, em 2010, na Rede Vida de Televisão. No final de novembro de 2010 surgiu o “ Malu Rodrigues Visita”, um programa de jornalismo social.