Arte de Rua e Vinil transformam o visual do Quintal Food Park

0
254
Arte de Rua e Vinil transformam o visual do Quintal Food Park

O Quintal Food Park convidou os artistas rio-pretenses Pecks e Degr do grupo Arte Sem Limite para dar fim ao paredão do Quintal. A dupla preenche o grande espaço com muitas cores e criatividade.

O encontro regado a muito arte será neste dia 6 de abril.

Igualdade, cultura, sociedade, coletivismo e sabor são as referências usadas pelos artistas. Eles vão mostrar muito da cultura de rua da cidade criando arte em grafite ao vivo, para todos  poderem acompanhar a evolução da obra.

Para complementar a alegria dos grafites, haverá aplicação da arte em frases e gravuras dos lambe-lambes, tradicional cartaz de “reclames” de décadas passadas. As artes são assinadas pelos consagrados artistas de São Paulo Cola Amor e Fidalga SP.

“O grafite é alvo de muito preconceito. Confundido muitas vezes com atos de vandalismo, o grafite está ligado diretamente à música e expressa a opressão da humanidade, a esperança. Situação política, entre outros. Enfim reflete a realidade da população e transmite mensagens”, destaca Hanuska Cristhian, sócia-proprietária do Quintal Food Park.

“A mensagem que queremos deixar no Quintal é que aqui todas as formas de arte e expressão são valorizadas. Queremos transmitir positividade, força e alegria. Que cada pessoa tire dá imagem algo significativo para si. Arte é isso”, destaca Tatiana Nunes, sócia-proprietária do Quintal Food Park.

Tudo isso acontece ao vivo, a partir das 18h, ao som do DJ Nando, que  trará um lindo repertório de músicas tocadas diretamente do vinil para as caixas com a qualidade que só a agulha de uma pick up pode dar ao um long play.

A intervenção artística tem apoio Kraro Tintas, que também acredita na arte da rua e quer levá-la para mais lugares.

A entrada no Quintal é gratuita, sem cobrança de 10% e couvert artístico.

 

Quintal Food Park

Rua Presciliano Pinto, 2399

Artigo anteriorOlympiah  apresenta coleção Inverno 2017 em São José do Rio Preto
Próximo artigo“Caça aos Ovos” é atração do Viva o Centro Rio Preto de abril
Sou jornalista com MBA em Gestão Empresarial pela FGV. No início da década de 80 atuei no Rádio e no jornal impresso. Como a curiosidade é a alma do bom jornalista, troquei Rio Preto pela mochila. Morei em Berlim, quando esta ainda era ladeado pelo muro, colhi uva nos campos franceses e vivi em Paris. Depois de viajar pela Europa fui morar em um Kibbutz onde conheci meu primeiro marido, um britânico. Na Inglaterra formei-me em catering pelo Southgate Technical College. De volta ao Brasil, fui ser agricultora orgânica e passei a assinar uma coluna sobre alimentação no Diário da Região. Em 99 nasceu a “Talk Club Assessoria”, uma das primeiras agências de assessoria de imprensa de Rio Preto. Durante uma década a empresa atendeu grandes clientes. Acompanhando o mercado a “Talk Club” se transformou em uma produtora de vídeo, e tem como sócio o cinegrafista e diretor de arte Luis Soares, meu atual marido. Em outubro 2007, criamos o primeiro programa de TV o “ Maturidade Feliz” Programa este que alcançou nível nacional, em 2010, na Rede Vida de Televisão. No final de novembro de 2010 surgiu o “ Malu Rodrigues Visita”, um programa de jornalismo social.