Bar do Cidinho é bicampeão do Comida di Buteco de 2018

0
228
Bar do Cidinho é bicampeão do Comida di Buteco de 2018
Bar do Cidinho é bicampeão do Comida di Buteco de 2018

O Bar do Cidinho é bicampeão em Rio Preto do Comida di Buteco. O anúncio foi realizado durante premiação ontem, dia 6 de junho. O boteco levou o prêmio com o petisco intitulado “Carga Pesada”,. Trata-se de  bolinho carreteiro recheado com muçarela, acompanhado de molho especial.

Cleusa Helena dos Santos Adami, filha de Alcides Lazaro dos Santos, proprietário do Bar do Cidinho, que havia subido ao palco para passar a faixa, acabou surpreendida com o anúncio de bicampeão. Segundo Helena, o título foi uma grande alegria.

“Pela segunda vez, alcançamos essa conquista, que para nós é sinônimo de trabalho, dedicação e muito amor. Não dá para colocar em outras palavras nosso sentimento de orgulho e satisfação”, afirmou.

O segundo colocado na competição foi o Bar Vila Aurora, com o “Canoa Quebrada”, pastéis abertos em formato de canoa recheados com carne de siri ao molho, cobertos com muçarela gratinada e camarão. Já a terceira colocação ficou com o estreante Chimboca, boteco de Mirassol. O petisco foi a “Pimenta do Chimboca”, pimentas recheadas com carne moída e carne seca.

A próxima etapa do Comida di Buteco é a competição nacional, que será realizada em São Paulo, no dia 23 de julho. Os bares campeões concorrerão ao título de melhor boteco do Brasil.

Receita de Carinho Dona Benta

Nesta edição, o Comida di Buteco realizou uma competição à parte, a “Receita de Carinho Dona Benta”, cuja regra era criar um petisco que levasse na composição produtos da marca Dona Benta.

O boteco Clube da Esquina conquistou a disputa paralela com o “Veaco do Clube”. Trata-se de  bolinho de arroz recheado com carne seca e catupiry. A premiação foi em dinheiro e o bar faturou R$ 1,5 mil.

Participar do desafio não era obrigatório.

O Comida di Buteco

O concurso foi criado em 2000 com a missão de transformar vidas através da cozinha de raiz. Ao longo dos 17 anos de sua criação, tem desenvolvido um importante papel de fomento à cultura e culinária de boteco,.  Contribui de maneira relevante para o desenvolvimento desse setor. Ao chegar a todas as regiões do Brasil, se consolida como o maior do gênero no País.

 

Artigo anteriorNasar grava DVD do aclamado show Raizeiros
Próximo artigoChitãozinho e Xororó, ANACAPRI no Iguatemi Rio Preto, Camarote Brahma, Oba e mais
Sou jornalista com MBA em Gestão Empresarial pela FGV. No início da década de 80 atuei no Rádio e no jornal impresso. Como a curiosidade é a alma do bom jornalista, troquei Rio Preto pela mochila. Morei em Berlim, quando esta ainda era ladeado pelo muro, colhi uva nos campos franceses e vivi em Paris. Depois de viajar pela Europa fui morar em um Kibbutz onde conheci meu primeiro marido, um britânico. Na Inglaterra formei-me em catering pelo Southgate Technical College. De volta ao Brasil, fui ser agricultora orgânica e passei a assinar uma coluna sobre alimentação no Diário da Região. Em 99 nasceu a “Talk Club Assessoria”, uma das primeiras agências de assessoria de imprensa de Rio Preto. Durante uma década a empresa atendeu grandes clientes. Acompanhando o mercado a “Talk Club” se transformou em uma produtora de vídeo, e tem como sócio o cinegrafista e diretor de arte Luis Soares, meu atual marido. Em outubro 2007, criamos o primeiro programa de TV o “ Maturidade Feliz” Programa este que alcançou nível nacional, em 2010, na Rede Vida de Televisão. No final de novembro de 2010 surgiu o “ Malu Rodrigues Visita”, um programa de jornalismo social.