Josyara canta sua Mansa Fúria, seu mais recente álbum, no Sesc Rio Preto

0
21
   O Sesc Rio Preto  traz nesta quinta-feira, dia 13, a cantora, compositora e violinista baiana, Josyar

O Sesc Rio Preto  traz nesta quinta-feira, dia 13, a cantora, compositora e violinista baiana, Josyara. No repertório, músicas de seu mais recente álbum Mansa Fúria. É uma mistura de calmaria e explosão que traz o encontro do violão com experimentações eletrônicas.

O nome do Cd vem por tudo àquilo que Josyara viveu, Desde menina, no sertão baiano, uma pessoa calma, mas que também carrega em si muita raiva. A faixa, que carrega o nome do Cd, é a mais antiga do álbum.

Tem cerca de 10 anos e traz consigo a força que a baiana leva com ela. Nas letras de suas músicas é possível identificar figuras fortes de suas origens como frutas locais, o árido sertão de sua terra natal, o encontro com o mar na capital soteropolitana, Yemanjá e Nanã.

Em Mansa Fúria, a artista não deixa de lado a crítica social.  A voz contra o racismo e a reafirmação da liberdade sexual,

 

“Não é fácil ser mulher e se abrir desse jeito, libertar o corpo e se assumir dona de si”.

Serviço: Dia 13, quinta, às 21h.
Comedoria.
Grátis. 16 anos

Artigo anteriorEsta semana tem Rodeio em Bady Bassitt e outras notícias da região
Próximo artigoOBA Festival já tem 16 shows anunciados para 2019
Sou jornalista com MBA em Gestão Empresarial pela FGV. No início da década de 80 atuei no Rádio e no jornal impresso. Como a curiosidade é a alma do bom jornalista, troquei Rio Preto pela mochila. Morei em Berlim, quando esta ainda era ladeado pelo muro, colhi uva nos campos franceses e vivi em Paris. Depois de viajar pela Europa fui morar em um Kibbutz onde conheci meu primeiro marido, um britânico. Na Inglaterra formei-me em catering pelo Southgate Technical College. De volta ao Brasil, fui ser agricultora orgânica e passei a assinar uma coluna sobre alimentação no Diário da Região. Em 99 nasceu a “Talk Club Assessoria”, uma das primeiras agências de assessoria de imprensa de Rio Preto. Durante uma década a empresa atendeu grandes clientes. Acompanhando o mercado a “Talk Club” se transformou em uma produtora de vídeo, e tem como sócio o cinegrafista e diretor de arte Luis Soares, meu atual marido. Em outubro 2007, criamos o primeiro programa de TV o “ Maturidade Feliz” Programa este que alcançou nível nacional, em 2010, na Rede Vida de Televisão. No final de novembro de 2010 surgiu o “ Malu Rodrigues Visita”, um programa de jornalismo social.