Rio Preto – Faperp nomeia nova diretoria

0
68

NOVA DIRETORIA FAPERP

Tomaram posse os novos diretores da Faperp (Fundação de Apoio à Pesquisa e Extensão de São José do Rio Preto), após nomeação feita pelo conselho curador da entidade. Assumiu a função de diretor-presidente o professor de estatística da Unesp de Rio Preto Luiz Carlos Baida, no lugar de Antonio José Manzato, professor aposentado da mesma universidade. Na diretoria administrativa, o professor de física Marinônio Lopes Cornélio substituiu o pesquisador Carlos Valêncio – ambos docentes da Unesp. Já a professora de biologia da Unesp Cláudia Regina Bonini assumiu o posto de diretor-científico, que antes era do o psicólogo Raul Aragão Martins, também docente da Unesp.

O trabalho da Faperp, entidade sem fins lucrativos que em 2014 completou 18 anos de história, caracteriza-se pela realização de projetos em prol do desenvolvimento científico, educacional e cultural de nossa região. À sua frente, na diretoria e no conselho curador, estão representantes de diversas áreas da sociedade, que atuam voluntariamente. A nova diretoria tem mandato de dois anos.

Só no ano passado, dois de seus projetos educacionais (Ações Educativas Complementares / Jornada Ampliada e Apoio Pedagógico e Inclusão), realizados em parceria com a Prefeitura de Rio Preto, beneficiaram mais de 25 mil crianças. Nesse período, a Faperp conquistou também uma nova área de atuação: os vestibulares. Destaque para o processo seletivo da Faculdade Facid e Unifavip, no nordeste, incluindo o concorrido curso de medicina. Além disso, a Fundação apoiou cerca de 200 projetos científicos e educacionais, beneficiando direta ou indiretamente mais de 30 mil pessoas.

  

Artigo anteriorMansão JK – Nova casa noturna inaugura neste dia 17 com Grand Opening
Próximo artigoEspetáculos por 1,99 para adultos e crianças segue até dia 19
Sou jornalista com MBA em Gestão Empresarial pela FGV. No início da década de 80 atuei no Rádio e no jornal impresso. Como a curiosidade é a alma do bom jornalista, troquei Rio Preto pela mochila. Morei em Berlim, quando esta ainda era ladeado pelo muro, colhi uva nos campos franceses e vivi em Paris. Depois de viajar pela Europa fui morar em um Kibbutz onde conheci meu primeiro marido, um britânico. Na Inglaterra formei-me em catering pelo Southgate Technical College. De volta ao Brasil, fui ser agricultora orgânica e passei a assinar uma coluna sobre alimentação no Diário da Região. Em 99 nasceu a “Talk Club Assessoria”, uma das primeiras agências de assessoria de imprensa de Rio Preto. Durante uma década a empresa atendeu grandes clientes. Acompanhando o mercado a “Talk Club” se transformou em uma produtora de vídeo, e tem como sócio o cinegrafista e diretor de arte Luis Soares, meu atual marido. Em outubro 2007, criamos o primeiro programa de TV o “ Maturidade Feliz” Programa este que alcançou nível nacional, em 2010, na Rede Vida de Televisão. No final de novembro de 2010 surgiu o “ Malu Rodrigues Visita”, um programa de jornalismo social.