TEATRO DO SESI SÃO JOSÉ DO RIO PRETO APRESENTA PEÇA SOBRE JOSÉ ANTÔNIO DA SILVA

0
112

Espetáculo infantil baseado na vida e obra do pintor primitivista faz dupla apresentação na unidade do Sesi-SP, no dia 27 de junho, sexta-feira, às 15h e no dia 28 de junho, sábado, às 16h. A entrada é gratuita

ACorSilva_Claudia_Olher

  Chega ao Teatro do Sesi São José do Rio Preto o espetáculo infantil A cor Silva. A peça referencia o pintor primitivista José Antônio da Silva retomando sua obra, arte e vida. Serão duas apresentações, uma no dia 27 de junho, sexta-feira, às 15h, e a outra no dia 28 de junho, sábado, às 16h. A entrada é gratuita.

Nascido e criado no interior de São Paulo, Silva viu sua vocação manifestada desde menino, quando fazia desenhos até mesmo em folhas de café. A descoberta do artista se deu tardiamente, após os seus 30 anos, em 1946, quando morava em São José do Rio Preto. Ao participar de uma mostra para a inauguração da Casa de Cultura da cidade, três intelectuais vindos de São Paulo entraram em contato com sua obra. Foi assim que sua carreira começou e deslanchou rapidamente para São Paulo e o mundo. Quase dezoito anos após sua morte, ainda é considerado pela crítica como o maior artista plástico primitivista do Brasil.

Na noite em que a realidade parece estar diferente, o velho Silva passeia por sua história relembrando sua infância na roça, contando sua paixão pelas cores e seu encontro com a arte de pintar num delírio poético que antecipa a criação de uma nova cor, a cor Silva. Ele contará com a ajuda de seus leais cães, Zé Bedeu e Fidalga que darão vida aos personagens dessa fábula caipira.

Criada em 2007, a Cia. Cênica realiza espetáculos esteticamente apurados e populares em suas possibilidades comunicativas. A música, executada ao vivo e inserida como importante componente dramatúrgico, constitui um elemento sempre presente em suas montagens. A Cia. traz em seu currículo diversos prêmios conquistados em festivais de teatro do país.

Texto: Homero Ferreira

Direção: Fagner Rodrigues

Elenco: Vanessa Palmieri, José Neto Chiacchio e Fagner Rodrigues

Músicos: Zé Maria Guirado e Márcia Morelli

Figurinos e preparação corporal: Linaldo Telles

Maquiagem: Cia. Cênica

Criação Trilha Original: Márcia Morelli,Zé Maria Guirado e Clara Roncati.

Direção musical: José Maria Guirado

Preparação Vocal: Elaine Matsumori

Consultoria Pedagógica: Clara Roncati

Contrarregragem: Clara Roncati          

Iluminação: Simone Moerdaui

Cenografia: Fagner Rodrigues, Roberto Brito e Cia.

Projeto de pesquisa: Fagner Rodrigues e Homero Ferreira

Produção Executiva: Simone Moerdaui

 A cor Silva

 Teatro do Sesi São José do Rio Preto – av. Duque de Caxias, 4.656 – Vila Elvira

Datas e horários: 27 de junho, sexta-feira, às 15h e 28 de junho, sábado, às 16h

Capacidade: 376 lugares e 08 para cadeirantes

Duração: 50 minutos

Classificação indicativa: Livre

Modalidade: infantil

Informações: (17) 3224-2499

Entrada gratuita – os ingressos serão distribuídos 30 minutos antes do início de cada apresentação.

 

 

 

 

Artigo anteriorCANA.Ã É APRESENTADA NO TEATRO DO SESI SÃO JOSÉ DO RIO PRETO
Próximo artigoRapidinhas – Grupo Loka, Festa Junina do Anglo, vagas para assistência social e feijoada do Zappa
Sou jornalista com MBA em Gestão Empresarial pela FGV. No início da década de 80 atuei no Rádio e no jornal impresso. Como a curiosidade é a alma do bom jornalista, troquei Rio Preto pela mochila. Morei em Berlim, quando esta ainda era ladeado pelo muro, colhi uva nos campos franceses e vivi em Paris. Depois de viajar pela Europa fui morar em um Kibbutz onde conheci meu primeiro marido, um britânico. Na Inglaterra formei-me em catering pelo Southgate Technical College. De volta ao Brasil, fui ser agricultora orgânica e passei a assinar uma coluna sobre alimentação no Diário da Região. Em 99 nasceu a “Talk Club Assessoria”, uma das primeiras agências de assessoria de imprensa de Rio Preto. Durante uma década a empresa atendeu grandes clientes. Acompanhando o mercado a “Talk Club” se transformou em uma produtora de vídeo, e tem como sócio o cinegrafista e diretor de arte Luis Soares, meu atual marido. Em outubro 2007, criamos o primeiro programa de TV o “ Maturidade Feliz” Programa este que alcançou nível nacional, em 2010, na Rede Vida de Televisão. No final de novembro de 2010 surgiu o “ Malu Rodrigues Visita”, um programa de jornalismo social.