2º Congresso Caipira de Educação Médica da FACERES reúne especialistas internacionais e nacionais

0
22

Especialistas da área de educação médica  dividem seus conhecimentos com estudantes, residentes, coordenadores, docentes e diretores no 2º Congresso Caipira de Educação Médica da FACERES.

O evento, totalmente virtual e gratuito, ocorre nos dias 25, 26 e 27 de junho e tem como tema norteador “Uma realidade inédita em educação médica – O mundo durante e pós-Covid-19. Como fazemos?”.

“Diversos aspectos do ensino remoto, a retomada das atividades pós-Covid-19, a organização de práticas e estágios, a saúde mental da comunidade de ensino médico, questões jurídicas às quais a escola médica está sujeita, questões regulatórias do MEC e CNE (Conselho Nacional de Educação), aspectos bioéticos,  reposição de aula prática e outros temas ligados à Covid-19 e às escolas médicas farão parte das discussões”, comenta Dr. Toufic Anbar Neto, diretor da Faceres e presidente do Congresso.

Serão 3 dias de evento, com 40 palestrantes nacionais/internacionais e 25 temas diferentes, debatidos em mais de 18 horas de transmissão totalmente online, distribuídos em seis mesas-redondas, 21 palestras e três conferências magnas.

A abertura do congresso, dia 25, a partir das 19h, contará com a presença de ilustres convidados: o Prefeito de Rio Preto, Sr. Edinho Araújo, o Secretário de Saúde de  Rio Preto, Dr. Aldenis  Borin, e o Presidente da ABEM, Dr. Nildo Alves Batista.

Dr. Ramiro Colleoni, Presidente do Colégio Brasileiro de Cirurgiões-SP, fará uma explanação sobre “A contribuição das sociedades de especialidades para a educação médica”.

A conferência magna da noite de abertura do congresso será proferida pelo Dr. Antonio Freitas, membro do Conselho Nacional de Educação, com o tema “Covid-19 e o curso de medicina”.

Entre os convidados do dia 26, estão Dr. Carlos Collares, professor da Universidade Maastritch (Holanda), que fará a conferência magna “Avaliação em tempos de Covid-19”, e Dr. Luiz Koiti Kimura, presidente da Comissão Estadual de Residência Médica de São Paulo, que profere palestra sobre “Residência médica: o risco do cancelamento dos exames em 2020”.

O vice-presidente da ABEM, Dr. Sandro Schreiber de Oliveira, abordará uma questão muito importante: “A terceira onda pós-Covid: Como fica o ensino na atenção básica”.

Dra.  Patrícia Zen Tempsky e Dr. Milton de Arruda Martins, ambos da USP, irão compartilhar seu conhecimento em mesas-redondas com os temas: “Ensinando e aprendendo resiliência na escola médica” e “O papel da escola médica no combate à pandemia”, respectivamente.

A presidente do CREMESP, Dra. Irene Abramovich, abordará, na conferência magna de encerramento, os “Aspectos Bioéticos da Educação Médica e a Covid-19”.

O evento terá um espaço reservado para a saúde mental. A psicóloga Dra. Patrícia Bellodi, também da USP, será responsável pela discussão sobre “Saúde mental na escola médica em tempos de pandemia”.

O 2º Congresso Caipira de Educação Médica da FACERES trará aos participantes uma visão ampla sobre as escolas médicas durante e pós-pandemia do coronavírus, incentivando a integração entre os participantes e o debate sobre assuntos diversos.

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo site da FACERES ou pelo link:   https://faceres.vpeventos.com/#/

 

Artigo anteriorObras dos miniterminais avançam em Rio Preto
Próximo artigoCom mais cinco mortes, Rio Preto chega a 60 mortes por coronavírus
Sou jornalista com MBA em Gestão Empresarial pela FGV. No início da década de 80 atuei no Rádio e no jornal impresso. Como a curiosidade é a alma do bom jornalista, troquei Rio Preto pela mochila. Morei em Berlim, quando esta ainda era ladeado pelo muro, colhi uva nos campos franceses e vivi em Paris. Depois de viajar pela Europa fui morar em um Kibbutz onde conheci meu primeiro marido, um britânico. Na Inglaterra formei-me em catering pelo Southgate Technical College. De volta ao Brasil, fui ser agricultora orgânica e passei a assinar uma coluna sobre alimentação no Diário da Região. Em 99 nasceu a “Talk Club Assessoria”, uma das primeiras agências de assessoria de imprensa de Rio Preto. Durante uma década a empresa atendeu grandes clientes. Acompanhando o mercado a “Talk Club” se transformou em uma produtora de vídeo, e tem como sócio o cinegrafista e diretor de arte Luis Soares, meu atual marido. Em outubro 2007, criamos o primeiro programa de TV o “ Maturidade Feliz” Programa este que alcançou nível nacional, em 2010, na Rede Vida de Televisão. No final de novembro de 2010 surgiu o “ Malu Rodrigues Visita”, um programa de jornalismo social.