Com mais cinco mortes, Rio Preto chega a 60 mortes por coronavírus

0
260

Rio Preto inicia a semana com 1.859 pessoas contaminadas pelo coronavírus (Covid-19) e 60 mortes provocadas pela doença. Foram 38 novos casos positivos nas últimas 24 horas e a confirmações de 5 óbitos em relação a domingo, dia 21.

Das mortes confirmadas desde o início da pandemia, em março, a faixa etária de 80 a 99 anos com 17 registros lidera a estatística, seguido pelo grupo de 70 a 79 anos com 16 mortes e de 60 a 69 anos com 12 no total.

Por semana o número de mortes acumuladas vem crescendo. Na semana 24 foram 12 óbitos, na semana seguinte 15. A semana 26 que iniciou neste domingo já registra 6 mortes.

“Nas primeiras semanas tivemos 4, em média 5 óbitos por semana. De repente na semana 24 tivemos 12 óbitos e na semana passada 15. Essa semana, em dois dias, já tivemos 6 óbitos. Fica o alerta”, comenta a gerente da vigilância epidemiológica Andréia Negri.

Até o momento a Secretária de Saúde testou 10.679 pacientes com algum estado gripal, sendo que 8.820 resultados foram negativos para a Covid-19.

Dos 1.859 casos positivos, 972 estão recuperados, 342 são profissionais da saúde e 341 apresentaram a síndrome respiratória aguda grave (SRAG). O coeficiente de incidência da doença é de 403 casos para cada 100 mil habitantes.

Em relação aos casos mais graves, onde ocorre a SRAG, 1.168 notificações já foram acumuladas na cidade, sendo que 325 ocorrências somente nos últimos 14 dias (28% do total). No momento 211 pacientes estão internados (85 em UTI e 126 em enfermaria).

“Diante dos decretos e notas técnicas nossa avaliação é que estamos fazendo nossa parte, orientando a população. A gente pede ajuda, sabendo que não é para fazer aglomeração, festas, em ambientes públicos. Importante é a conscientização. Se todo mundo adoecer ao mesmo tempo tem o risco de não poder receber o serviço”, disse.

Artigo anterior2º Congresso Caipira de Educação Médica da FACERES reúne especialistas internacionais e nacionais
Próximo artigoPrefeitura lança edital para reforma do Teatro Municipal Humberto Sinibaldi Neto
Sou jornalista com MBA em Gestão Empresarial pela FGV. No início da década de 80 atuei no Rádio e no jornal impresso. Como a curiosidade é a alma do bom jornalista, troquei Rio Preto pela mochila. Morei em Berlim, quando esta ainda era ladeado pelo muro, colhi uva nos campos franceses e vivi em Paris. Depois de viajar pela Europa fui morar em um Kibbutz onde conheci meu primeiro marido, um britânico. Na Inglaterra formei-me em catering pelo Southgate Technical College. De volta ao Brasil, fui ser agricultora orgânica e passei a assinar uma coluna sobre alimentação no Diário da Região. Em 99 nasceu a “Talk Club Assessoria”, uma das primeiras agências de assessoria de imprensa de Rio Preto. Durante uma década a empresa atendeu grandes clientes. Acompanhando o mercado a “Talk Club” se transformou em uma produtora de vídeo, e tem como sócio o cinegrafista e diretor de arte Luis Soares, meu atual marido. Em outubro 2007, criamos o primeiro programa de TV o “ Maturidade Feliz” Programa este que alcançou nível nacional, em 2010, na Rede Vida de Televisão. No final de novembro de 2010 surgiu o “ Malu Rodrigues Visita”, um programa de jornalismo social.