DURVAL TELLES FAZ OFICINA PARA PRODUZIR SEU NOVO LONGA

0
58

             O artista rio-pretense Durval Telles inicia os preparativos para mais uma produção audiovisual de sua autoria. Trata-se do projeto “Quem Tem Telhado de Vidro…”, um longa ficcional que tem o preconceito como foco central.

Para a realização dessa obra audiovisual, Durval Telles promove uma audição para a formação do elenco. Podem participar pessoas com idade entre 18 e 60 anos, com ou sem experiência em atuação para vídeo.

A audição acontece no dia 9 de maio, na Pinacoteca Municipal, em São José do Rio Preto, junto à Secretaria de Cultura. Os selecionados participarão de uma oficina de criação com o artista ao longo de seis meses. O novo trabalho será produzido ao longo da oficina.

Os interessados podem fazer sua inscrição gratuitamente, também na Pinacoteca, até o dia 30 de abril. A iniciativa conta com o apoio da Prefeitura e da Secretaria Municipal de Cultura.

Conforme Durval Telles, “Quem Tem Telhado de Vidro…” vai mostrar os diferentes tipos de preconceito que assolam a sociedade contemporânea, seja ele social, sexual, cultural ou religioso.

O longa apresentará personagens que vivem à margem da sociedade devido ao preconceito da maioria das pessoas. A proposta é promover a reflexão sobre a intolerância social diante da diversidade de cultura, modos e costumes.

A produção conta com a participação de atores do GTR (Grupo Teatral Rio-Pretense), além do diretor e ator Manoel Neves.

 

QUEM TEM TELHADO DE VIDRO…

Inscrição: até 30 de abril, das 9h às 17h

Audição: 9 de maio

Onde: Pinacoteca Municipal

Informações: (17) 8803-0257

 

Artigo anteriorRPM MESCLA NOVIDADES COM SUCESSOS ANTIGOS DURANTE SHOW EM SÃO JOSÉ DO RIO PRETO
Próximo artigoNaldo apresenta “Naldo Na Veia Tour” em Rio Preto
Sou jornalista com MBA em Gestão Empresarial pela FGV. No início da década de 80 atuei no Rádio e no jornal impresso. Como a curiosidade é a alma do bom jornalista, troquei Rio Preto pela mochila. Morei em Berlim, quando esta ainda era ladeado pelo muro, colhi uva nos campos franceses e vivi em Paris. Depois de viajar pela Europa fui morar em um Kibbutz onde conheci meu primeiro marido, um britânico. Na Inglaterra formei-me em catering pelo Southgate Technical College. De volta ao Brasil, fui ser agricultora orgânica e passei a assinar uma coluna sobre alimentação no Diário da Região. Em 99 nasceu a “Talk Club Assessoria”, uma das primeiras agências de assessoria de imprensa de Rio Preto. Durante uma década a empresa atendeu grandes clientes. Acompanhando o mercado a “Talk Club” se transformou em uma produtora de vídeo, e tem como sócio o cinegrafista e diretor de arte Luis Soares, meu atual marido. Em outubro 2007, criamos o primeiro programa de TV o “ Maturidade Feliz” Programa este que alcançou nível nacional, em 2010, na Rede Vida de Televisão. No final de novembro de 2010 surgiu o “ Malu Rodrigues Visita”, um programa de jornalismo social.