Mais de 400 crianças e convidados compõem o espetáculo de abertura do 55º Fefol

0
401
DCIM100GOPROGOPR3015.JPG

 O Espetáculo de Abertura  do Festival do Folclore da Estância Turística de Olímpia promete encantar o público . Este ano, a apresentação traz o tema “A Orquídea Encantada no Vale das Lendas”. Trata-se de uma alusão ao Jubileu de Orquídea, que comemora os 55 anos de festa.

Ao todo, mais de 400 pessoas estão envolvidas.  Grande parte são crianças da rede municipal de ensino. Participam, também,  convidados como os alunos da Escola Estadual Capitão Narciso Bertolino e da Etec de Olímpia “Professor José Carlos Seno Junior” e o Grupo Arte na Alma.

Os dançarinos estão há meses se preparando para o espetáculo.  E, esta semana, realizam os ensaios finais na arena do Recinto do Folclore.  A encenação acontece neste sábado, dia 03 de agosto, a partir das 20 horas.

A apresentação busca relacionar a beleza do desabrochar da orquídea com o folclore. Tudo ao som  da música-tema desta edição, “Folcloresce Coração” .

Assim, o espetáculo conta a saga da “Bela Orquídea Encantada”. É uma personagem mítica, que, por encanto, foi embrenhar-se no Vale das Lendas. Em meio à narrativa, feita em prosa, verso e canto, por um matuto contador de causo, vários elementos da Cultura Popular vão se desenhando.  Compõe uma lúdica paisagem e mostra a grandeza e importância da diversidade cultural brasileira.

Antes da abertura oficial do Fefol 2019, acontece o lançamento do Anuário e da Vila Brasil, a partir das 17h30. Na sequência, está programado o Hasteamento das Bandeiras de todos os estados brasileiros, seguido do espetáculo de abertura.

Após a apresentação e os discursos oficiais, os grupos participantes da 55ª edição serão recebidos na arena e iniciarão suas apresentações simultâneas no Palco Principal e no Palco B.

Artigo anteriorFeijoada com Monobloco, APP Bora Elas, Últimos dias dos Minions no Iguatemi e mais
Próximo artigoFestival do Folclore será transmitido AO VIVO pela internet
Sou jornalista com MBA em Gestão Empresarial pela FGV. No início da década de 80 atuei no Rádio e no jornal impresso. Como a curiosidade é a alma do bom jornalista, troquei Rio Preto pela mochila. Morei em Berlim, quando esta ainda era ladeado pelo muro, colhi uva nos campos franceses e vivi em Paris. Depois de viajar pela Europa fui morar em um Kibbutz onde conheci meu primeiro marido, um britânico. Na Inglaterra formei-me em catering pelo Southgate Technical College. De volta ao Brasil, fui ser agricultora orgânica e passei a assinar uma coluna sobre alimentação no Diário da Região. Em 99 nasceu a “Talk Club Assessoria”, uma das primeiras agências de assessoria de imprensa de Rio Preto. Durante uma década a empresa atendeu grandes clientes. Acompanhando o mercado a “Talk Club” se transformou em uma produtora de vídeo, e tem como sócio o cinegrafista e diretor de arte Luis Soares, meu atual marido. Em outubro 2007, criamos o primeiro programa de TV o “ Maturidade Feliz” Programa este que alcançou nível nacional, em 2010, na Rede Vida de Televisão. No final de novembro de 2010 surgiu o “ Malu Rodrigues Visita”, um programa de jornalismo social.