Festival do Folclore de Olímpia “Digital”  anuncia detalhes sobre a edição 2020

0
21
Festival do Folclore de Olímpia “Digital” 

A Comissão do 56º Festival do Folclore de Olímpia lançou na manhã desta quarta-feira, dia 8 de julho, o cartaz oficial da edição 2020, que será realizada, de 8 a 16 de agosto, em formato digital.

O cartaz do Jubileu de Violeta traz como ilustração grupos folclóricos de Olímpia e destaca ainda o criador e idealizador do Festival, Professor José Sant’anna.

” em função da pandemia, faremos um festival dos novos tempos, em formato digital. mas, que será muito rico em informações culturais, com grande número de estados participando. Assim, vamos cuidar de vidas, mas sem deixarmos de lado nosso amor pelo folclore”, declarou o prefeito Fernando Cunha .

O prefeito anunciou a criação de um Centro de Estudos do Folclore. Ele  será implantado na Praça de Atividades Folclóricas e Turísticas “Professor José Sant’anna” (Recinto do Folclore).

O objetivo é concentrar todo o material e documentação de interesse de pesquisadores, alunos, professores e universidades que queriam explorar o folclore brasileiro.

O público poderá conferir online ainda, além, das apresentações de grupos, um vasto material das edições anteriores.

O FEFOL Digital será transmitido todas as noites, de 8 a 16 de agosto, na Página Oficial do Festival do Folclore de Olímpia no Facebook. A programação completa está disponível no site do festival: www.folcloreolimpia.com.br.

 

Artigo anteriorEspaguete com almôndegas, fácil e rápido
Próximo artigoFunfarme, Famerp e Lucy Montoro estudam sequelas em pacientes pós-Covid 19
Sou jornalista com MBA em Gestão Empresarial pela FGV. No início da década de 80 atuei no Rádio e no jornal impresso. Como a curiosidade é a alma do bom jornalista, troquei Rio Preto pela mochila. Morei em Berlim, quando esta ainda era ladeado pelo muro, colhi uva nos campos franceses e vivi em Paris. Depois de viajar pela Europa fui morar em um Kibbutz onde conheci meu primeiro marido, um britânico. Na Inglaterra formei-me em catering pelo Southgate Technical College. De volta ao Brasil, fui ser agricultora orgânica e passei a assinar uma coluna sobre alimentação no Diário da Região. Em 99 nasceu a “Talk Club Assessoria”, uma das primeiras agências de assessoria de imprensa de Rio Preto. Durante uma década a empresa atendeu grandes clientes. Acompanhando o mercado a “Talk Club” se transformou em uma produtora de vídeo, e tem como sócio o cinegrafista e diretor de arte Luis Soares, meu atual marido. Em outubro 2007, criamos o primeiro programa de TV o “ Maturidade Feliz” Programa este que alcançou nível nacional, em 2010, na Rede Vida de Televisão. No final de novembro de 2010 surgiu o “ Malu Rodrigues Visita”, um programa de jornalismo social.