Planeta Rock terá venda de copos com renda revertida ao Hospital de Base de Rio Preto

0
115

A organização do Planeta Rock anunciou que serão  vendidos copos colecionáveis do festival no evento. A renda será revertida ao Hospital de Base de  Rio Preto .
A diretora administrativa do Hospital de Base agradeceu a iniciativa para o centro de câncer do HB.

 

“O Hospital está muito feliz com a adesão da sociedade , principalmente  do público jovem, atuante e comprometido.  Nós agradecemos demais as novas parcerias. Tudo será revertido  em prol dos nossos pacientes”, afirmou a Dra. Amália Tieco.

Essa não é a única ação solidária promovida pelo Planeta Rock.  Os ingressos para o primeiro dia de evento são alimentos não perecíveis .Eles  serão destinados ao Banco de Alimentos Municipal e à  Paróquia Jesus Bom Pastor São Sebastião.Os idealizadores do Planeta Rock, André e Kelly Fachinetti explicam sobre a importância dessas atitudes.

“O rock une as pessoas sem fazer distinção entre elas.  Pensando nisso tivemos a ideia de utilizar esse gênero musical como ferramenta para realizar uma ação que beneficie instituições cujas doações sejam muito bem-vindas”, comenta Kelly.

André também reforça a ideia.

“O Planeta Rock foi pensado com muito carinho e planejado com muito entusiasmo e dedicação.  Saber que o festival pode ainda contribuir com entidades que prestam auxilio a quem precisa, é uma imensa satisfação”, ressalta ele.

O festival chegou a sua 7ª edição. Acontece nos dias 10 e 11 de agosto no Recinto de Exposições Alberto Bertelli Lucatto.  Foi dividido em três setores (pista, pista premium e camarote open bar e food). O camarote disponibiliza cerveja Itaipava Go Draft,  Coca-cola,  água,  ilhas gastronômicas com lanches, comidas de boteco, pratos gourmets e pratos finais.

Na sexta-feira, dia 10 de agosto haverá um concurso de bandas. O propósito é revelar novos talentos e incentivar as bandas independentes de rock a mostrarem seu trabalho, além de selecionar três finalistas, que se apresentarão no dia 11, sábado.

Os prêmios para as três bandas vencedoras são de R$ 3.000,00 para a primeira colocada.  R$ 2.000,00 para a a segunda e R$1.500,00 para a terceira.

O segundo dia de evento contará com shows de Pitty, CPM 22, Detonautas, Jota Quest, Humberto Gessinger, Armandinho e Psicodella. Os ingressos para o dia 11 estão em seu terceiro lote de vendas.  Podem ser adquiridos através dos sites www.festivalplanetarock.com.br e www.eventim.com.br . Também  no estande do Rio Preto Shopping.

A classificação etária é de 16 anos conforme determinação judicial da Vara da infância e juventude de Rio Preto, exceto para o camarote, onde está proibida a entrada de menores de 18 anos.

 

Menores de 16 anos devem estar acompanhados dos pais ou responsáveis portando autorização devidamente assinada e autenticada em cartório, entretanto a apresentação de documento oficial de identificação (RG) é obrigatório para todos, independentemente da idade. A idade mínima para o festival é de 14 anos.

 

Artigo anteriorBella Capri inaugura pizzaria com novo conceito em Fernandópolis
Próximo artigoIguatemi Beer Fest traz o melhor da cerveja artesanal, música e descontração
Sou jornalista com MBA em Gestão Empresarial pela FGV. No início da década de 80 atuei no Rádio e no jornal impresso. Como a curiosidade é a alma do bom jornalista, troquei Rio Preto pela mochila. Morei em Berlim, quando esta ainda era ladeado pelo muro, colhi uva nos campos franceses e vivi em Paris. Depois de viajar pela Europa fui morar em um Kibbutz onde conheci meu primeiro marido, um britânico. Na Inglaterra formei-me em catering pelo Southgate Technical College. De volta ao Brasil, fui ser agricultora orgânica e passei a assinar uma coluna sobre alimentação no Diário da Região. Em 99 nasceu a “Talk Club Assessoria”, uma das primeiras agências de assessoria de imprensa de Rio Preto. Durante uma década a empresa atendeu grandes clientes. Acompanhando o mercado a “Talk Club” se transformou em uma produtora de vídeo, e tem como sócio o cinegrafista e diretor de arte Luis Soares, meu atual marido. Em outubro 2007, criamos o primeiro programa de TV o “ Maturidade Feliz” Programa este que alcançou nível nacional, em 2010, na Rede Vida de Televisão. No final de novembro de 2010 surgiu o “ Malu Rodrigues Visita”, um programa de jornalismo social.